O desemprego...

Eduardo Pitta parece pensar que, se as pessoas cumprissem a lei, o desemprego não tinha chegado onde chegou. Ora bem, expliquemos isto: esta percentagem apareceu porque empresas faliram, fecharam, desapareceram. Não porque os patrões embirraram com mais de 10% da população. Mas, claro, quando se é patrão (da empregada doméstica), já se sabe o que a casa gasta e os argumentos mudam (e nem é preciso mudar de post!).
Enviar um comentário